Notícias



13/03/2019

Feira APFL aproxima mercados Chinês e Brasileiro com expectativa de USD 6,2 milhões em geração de negócios

compartilhe esta notícia
As indústrias brasileiras de produtos químicos para couros, por meio do Projeto By Brasil Components, Machinery and Chemicals - ação de incentivo às exportações executada em parceria da Assintecal e Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) - estarão presentes em mais uma edição da feira chinesa APLF – MM&T, realizada em Hong Kong, entre 13 a 15 de março. Entre as brasileiras que apresentarão seus produtos estão as indústrias Tanac e Tanquímica, e o Grupo de Químicos para Couro.




“Esta iniciativa possibilitará aos empresários brasileiros o estreitamento de relações comerciais com o mercado chinês, além de ampliação do know how dos fabricantes em relação a metodologias e métricas para o desenvolvimento de seus produtos para os países da Ásia e outros continentes”, observa Milton Killing, presidente da Assintecal.



A APLF é a principal plataforma mundial para a indústria do couro, onde tendências e fornecedores dos mais diversos materiais podem ser encontrados. É considerada pioneira em inovações, materiais e componentes, tecnologias e serviços para a indústria fashion.

São mais de 17 mil compradores de 83 países e regiões e 856 Expositores Nacionais e Internacionais, de mais de 46 países. A expectativa de negócios é de USD 1,3 milhão imediatos e mais USD 4,9 milhões para os próximos 12 meses.




Outras Oportunidades – Os fabricantes brasileiros que integram o setor de componentes para couros, calçados e artefatos e químicos para couro interessados em ampliar suas relações comerciais com o mercado externo têm a oportunidade de participar dos projetos do By Brasil Components, Machinery and Chemicals para promover um bom desempenho das exportações. Podem participar empresas nacionais de materiais com foco no setor coureiro-calçadista, que estejam estruturadas ou estejam se estruturando e que almejam iniciar ou aprimorar o processo de exportação. O projeto possui soluções adequadas a cada nível de internacionalização, mantendo ao alcance das empresas ações de promoção comercial, inteligência, capacitação, entre outros. Para mais informações, entre em contato por meio do e-mail relacionamento@assintecal.org.br ou visite o site http://www.bybrasil.org.br/

Sobre o By Brasil
Os fabricantes brasileiros que integram o setor de componentes interessados em ampliar suas relações comerciais com o mercado externo têm a oportunidade de participar, assim como outras 300 empresas, do projeto By Brasil Components, MachineryandChemicals, realizado pela Assintecal e Apex-Brasil, contando com parceria com a Abrameq, que pretende promover um bom desempenho das exportações e, consequentemente, do setor. O projeto possui soluções adequadas a cada nível de internacionalização, mantendo ao alcance das empresas ações de promoção comercial, inteligência, capacitação, entre outros. Para mais informações, entre em contato por meio do e-mail relacionamento@assintecal.org.br.

Sobre a Apex-Brasil
A Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) atua para promover os produtos e serviços brasileiros no exterior e atrair investimentos estrangeiros para setores estratégicos da economia brasileira. A Agência apoia cerca de 11.000 empresas em 80 setores da economia brasileira, que por sua vez exportam para mais de 200 mercados. A Apex-Brasil também desempenha um papel fundamental na atração de investimento estrangeiro direto para o Brasil, trabalhando para identificar oportunidades de negócios, promovendo eventos estratégicos e dando apoio aos investidores estrangeiros interessados em alocar recursos no Brasil.

Sobre a Assintecal
Há 35 anos a Associação Brasileira de Componentes para Couro, Calçados e Artefatos (Assintecal) atua diretamente na expansão de seu setor coureiro-calçadista. Seu trabalho é reconhecido pela força e diálogo com todas as esferas governamentais, pela consolidação do mercado internacional e pelo desenvolvimento em pesquisas e conteúdo de moda. A entidade responde por um setor que possui 3 mil empresas. Sediada em Novo Hamburgo (RS), possui também escritórios em São João Batista (SC), Nova Serrana (MG), Birigui (SP), Franca (SP) e Jaú (SP).


compartilhe esta notícia

compartilhe esta notícia via e-mail

OPS!